Adam Bhatti fala sobre suas expectativas para o futuro do PES

Bem amigos, semana passada, mas precisamente dia 24/11 (dia da liberação da DLC 2.0), o site especializado em futebol, Squawka, liberou uma entrevista com o Gerente Global da Marca PES (Adam Bhatti).

Nesse entrevista, além de promover a então recém liberada DLC 2.0, Adam Bhatti, também falou como enxerga o futuro da franquia, dando pistas dos próximos passos à serrem seguidos na franquia.

Como geralmente faço, quando utilizo um material “extra-blog”, tentarei apresentar os principais pontos da entrevista, tentando contextualiza-los, colocando meu ponto de vista, quando achar necessário.

Adam Bhatti começa a entrevista destacando que a franquia Pro Evolution Soccer, caminha para a construção de um base sólida. Entretanto, o licenciamento é sim, a fraqueza da franquia, mas que eles têm ciência de como isso é importante. Segundo ele, o game tem uma jogabilidade estabelecida, mas agora é hora de mostrar às pessoas, que eles estão tentando corrigir outras questões.

Este ano, o maior bônus foi a questão das parcerias com os clubes, pois estamos agora, em espaços onde nunca estivemos antes. Estamos sendo mencionado e comentados por alguns dos maiores times do mundo. Estamos trabalhando com eles em novas formar criativas, apresentando o jogo para os novos gamers. Isso tem sido incrível.

O gerente da Konami segue dizendo que estão trabalhando muito nos quesito: Estádios. E que eles fazem parte da peça central do game.

Os últimos estádios levaram cerca de três meses para serem construídos.

No caso de Dortmund, especialmente, a equipe teve que recapturar o túnel de saída para o campo, pois eles têm um moody especial de iluminação com o estádio (preto e amarelo), que tinha de ser ajustado.

Para ambos Liverpool e Dortmund, além dos cânticos e som dos torcedores, foram utilizados desenhos em 3D, para que fosse possível capturar tudo, perfeitamente. Ele destaca que a equipe está avançando no jeito de recriar esses estádios, criando novas maneiras de recapturar os estádios, destacando não só o visual, mas também o som.

Leia também  Allianz Parque confirmado na DLC 2.0 do PES 2017

Adam faz questão de lembrar que o contrato de permanência do estádio do Liverpool (Anfield) é de no mínimo 3 anos. Já para o estádio do Dortmund (Signal Iduna Park), pelo menos 4 anos.

Uma informação dessa entrevista, que achei muito curiosa, é o fato de que a modelagem das faces dos jogadores, diferentemente do que imaginávamos (pelo menos eu pensava assim). O trabalho não é feito diretamente pela Fox Engine.

Na verdade a Konami terceiriza o servição à uma empresa alemã de modelagem, chamada Staramba. Curiosamente, fui atrás da tal empresa, e acabei percebendo o porque do resultado final, observado no PES. Entrem no site dos caras e confiram as miniaturas comercializadas por eles.

Aí fico pensando, enquanto os caras estão vendendo um Robben com 25 cm de altura por $ 289 (quase 1000 reais, na conversão direta). Os “jumentos” dos jogadores brasileiros, se esforçam para estragarem seus direitos de imagens, e se esconderem daqueles que possivelmente comprariam esses direitos.

É óbvio que esse valor de venda, além do custo pelo trabalho da empresa, tem o valor pago pelos direitos de imagens ao jogadores replicados (por cada boneco vendido). Mas isso só acontece, pela visão diferenciada dos jogadores ao longo do mundo, que reconhecem que eles funcionam como um produto, e como tal, quanto mais aparecer, melhor.

Diferentemente da mentalidade do jogador sul-americano, que de maneira geral, acha que é lucro, cobrar 50 mil num determinado momento, e deixar de construir uma imagem durante toda sua carreira, e quem sabe ganhar uns 500 mil em cima dessa imagem.

ESSAS ASPAS (“”) SÃO POR MINHA CONTA! “Oh, raça burra, viu!”

Sei que tem alguém pensando que em função da terceirização do serviço, a Fox Engine, não é tudo aquilo que pensávamos. Mas pelo que entendi e procurei me informar, a empresa faz o trabalho de captura e modelagem, porém, caso não haja uma adaptação por parte da Engine, nada adiantaria. E tá aí o potencial da Fox Engine, pois caiu como uma luva.

Leia também  Plano B para as licenças, myclub Free, melhorias gráficas e modo CO-OP 2x2

Só lembrando que EA e 2K (PixelGun Studio), também terceirizam esse tipo de serviço.

Mas em relação a esse assunto (faces), ainda não acabou. Pois na entrevista, Adam confirma que em fevereiro ou março, teremos mais uma atualização, que será feita com base no feedback da galera.

Jogadores com faces atualizadas (DLC 2.0)

PES FORUM pes2017_dp2_playerlikenesses2_1_l

PES FORUM pes2017_dp2_playerlikenesses2_2_l

Adam aproveita para mencionar o upgrade gráfico que PES 2017 sofrerá, com a atualização (meio de Dezembro) para suportar a resolução 4k, no PS4 Pro.

Nós estamos realmente animados – parece inacreditável.

Ainda sobre a questão do 4K, ele ressalta que alguns estádios exigem um maior poder de processamento do sistema. Um Camp Nou, por exemplo, necessita de muito mais memória, então existem certas situações que o sistema pode sentir um pouco mais, quando comparado com um estádio genérico (Konami Stadium, por exemplo). Porém, essa diferença não ocorre no PS4 Pro, sem falar no visual que surpreende, segundo ele.

E por isso, a Konami se começa a se preocupar no maior detalhamento dos Kits (uniformes) e chuteiras, para que possíveis imperfeições não sejam perceptíveis, diante de tanta definição.

A entrevista é finalizada dizendo que, para a próxima versão, embora detalhes concretos ainda sejam poucos, as negociações de licenciamentos, felizmente, já estão em andamento.

Lembrando que como a entrevista foi feita no dia do lançamento da DLC, o foco da discussão foi todo em cima das melhorias dessa atualização. Portanto não era de se esperar que comentários relacionados a questão online, seriam mencionados. Apesar que a Konami deve ter em mente, que todo e qualquer melhoria, deve ser feita com base nos modos online. Caso contrário, fica muito difícil.

Mas digam aí o que acharam das declaração. E aí, estamos ou não, no caminho certo?

 

Gostou? Deixe seu Like e compartilhe nas redes sociais!