Dortmund revela o real motivo da quebra de contrato com a Konami

O time alemão Borussia Dortmund usou sua conta oficial do twitter, para esclarecer o principal motivo da quebra de contrato com a Konami.

E como havia comentado no post anterior, não deu outra, money, money, money…….money!

Ao ser questionado sobre o encerramento (quebra) do contrato com a Konami, a conta oficial do Dortmund respondeu o seguinte:

…após cuidadosa consideração, decidimos terminar a nossa cooperação com a Konami prematuramente, a fim de cooperar com o fabricante de sucesso da série “FIFA” EA Sports, no futuro.

Pois é meus amigos, não fazia sentido a quebra de contrato, sem outro a vista!

Entretanto, gostaria de fazer algumas considerações sobre a decisão do Borussia.

Quem leu o post anterior, deve ter lembrado que falei que, no mundo capitalista em que vivemos, funciona assim mesmo, quem paga mais, leva!

Entretanto, acho que temos formas e “formas” disso acontecer.

Olhando para esse twitter, na minha humilde opinião, fica claro o despreparo e porque não dizer, o “desdenho” (pra não dizer outra coisa), por parte do time alemão.

Claro que, como empresa, eles têm que procurar o que é melhor financeiramente pro clube. Todavia, acho que o primeiro pronunciamento oficial do clube, deveria ser de reconhecimento aquilo que a parceria lhe trouxe.

A Konami trabalhou muito bem a marca do time alemão, valorizando demais sua imagem e de seus jogadores. O time tinha seu estádio muito bem reproduzido, algo que só o Barcelona tem.

Enfim, foram inúmeras ações, que ao meu ver, de grande importância pro time alemão. Principalmente numa temporada em que o clube foi de mal a pior, só perdeu!

Por mais que os colecionadores de figurinhas digital, comemorem tal feito por parte da EA, com o bom e velho jargão “eu tenho, você não tem!”. Para o Borussia, não sei até que ponto é interessante o clube preferir se tornar, apenas mais um no FIFA.

Aí alguém pode está falando “Mas o Bourussia quer entrar no mundo do eSport”.

Aí eu falo, para isso precisa quebrar o contrato? Se a intensão é expandir seus horizontes, nada melhor do que está presente nos dois jogos.

Por isso que eu digo, se houve a quebra, foi para está de forma exclusiva no FIFA.

Outra coisa que quem escreveu o twitter, não deve ter levado em consideração, foi o fato de que o clube tem muitos fãs que jogam a franquia PES, e isso fica nítido nos comentários do post no twitter.

Mas o mundo dá voltas (ninguém nunca falou isso..rsrs). Sendo assim, não sabemos o que nos aguarda pela frente, e veremos se o time acertou na decisão.

Mas enfim, sabemos o quanto “Licenças” são importantes para a franquia FIFA. Já falei e volto a repetir, FIFA, hoje, é um jogo que vive de imagem (horríveis por sinal).

Vou repetir também, FIFA 18 é um jogo “quebrado”! E não existe nenhuma garantia de que isso será corrigido no FIFA 19. Até porque FIFA 17 também foi um jogo com muitos problemas.

Se você acha que PES 2018 tem problemas (e tem!), vá jogar FIFA 18. Se você acha que PES 2018 morreu antes do tempo, vá ver a vida útil do FIFA 18. Não é a toa que a meses, grandes Youtubers de FIFA (que praticamente vivem disso), deixaram de fazer vídeos do game.

“Ah Cícero, mas FIFA ainda vende muito mais que PES”.

Sim, isso é fato. Porém, como venho sempre repetindo, esse cenário atual é fruto da negligência da Konami por quase uma década, somado ao que a EA fez, nesse período de omissão por parte da empresa japonesa.

Mas analisando FIFA 18 e PES 2018, apesar da maior variedade de modo de jogo no FIFA, como também o melhor acabamento do jogo. PES é um jogo que tenta trazer um gameplay com novidades, enquanto FIFA aposta no monopólio de licenças, mesmo com um gameplay com inúmeros problemas. Se duvida do que eu falo, procure um jogador de FIFA.

Mas jogadores sinceros, como os do Metacritic, onde o jogo levou a menor nota dos últimos anos.

Hoje, o que afasta os usuários de FIFA do PES, é o já consagrado Ultimate Team (pra mim o responsável em tornar FIFA o que ele é hoje). Como também o fato de já estarem acostumado com o gameplay do jogo da EA.

Só pra dar mais um exemplo do que estou falando, pois ficaria até amanhã mostrando outros.

A última aconteceu com o jogador do time alemão do Stuttgart (VFB DEWRHANO), que simplesmente abandou a partida do pré-mundial do game, faltando 10 min. pro fim de jogo.

Apesar da habilidade de seu adversário no toque de bola, o jogo simplesmente não lhe dava condições de colocar pressão no adversário e recuperar a posse de bola.

[embedyt] https://www.youtube.com/watch?v=Uf84F3TEoAI[/embedyt]

Gostou? Deixe seu Like e compartilhe nas redes sociais!

Você pode gostar...